Bicicletas no Rock in Rio

Estive no Rock in Rio no último sábado (yeah!) e quem diria que lá eu encontraria… bicicletas (yeah! yeah!). Elas estavam no stand da Philips e faziam parte de um jogo chamado Map Biking. Eram 4 bikes com sistema de aproveitamento de energia da pedalada, com uma tv na frente que mostrava o percurso (no estilo do Google Street View). O participante podia escolher entre Rio, Amsterdam e Tóquio para sua pedalada. Os resultados iam direto para o perfil do Facebook e os melhores tempos ganhavam brindes. Uma bela jogada de marketing e eu… bem, eu já estava lá mesmo né…

Anúncios

Pedalada conectada: Twitter e Facebook

Agora o blog conectou geral!

O “Até Onde” agora tem Twitter (que é o meu pessoal) e uma página no Facebook! Sou “ciclista de primeiríssima viagem” no Twitter e ainda tô apanhando um bocado. A idéia é aumentar os canais de divulgação e interação do blog. Vou publicar os links dos post nas duas redes sociais. Além disso, no Facebook estou colocando algumas fotos inéditas de pedaladas, cicloviagens e passeios mundão afora.

Pra quem gosta das redes sociais, é só curtir (ou seguir) aqui do lado direito do blog!

Vamos ver no que vai dar… rs.

“Write a bike”

Do diretor artístico Juri Zaech, “escreva uma bicicleta”. Meu nome fica fácil de imaginar, tá quase aí!

Bicicleta meia roda

Da série: “esses inventores fantásticos e suas bicicletas maravilhosas”

 

 

Muito criativo!

Blog de cara nova

Depois da ressaca de aniversário, as mudanças vão chegando e o blog estréia um novo visual! Algumas fotos ainda estão desconfiguradas e o tamanho da fonte diminuiu um pouco. Mas em compensação está mais alegre, colorido, e vamos nos acostumando aos poucos não é mesmo? Se não enjoar, o tema dura até o próximo aniversário.

Ah! O cabeçalho de junho, uma homenagem ao mês dos namorados. Legal né?

Dois anos de blog!

É hoje! O “Até Onde” completa 2 anos! Foram mais de 300 posts, quase 500 comentários e muitas, muitas pedaladas!

Um agradecimento especial a você que vem sempre aqui visitar, aos nossos 24 assinantes e é claro, aos colaboradores que sempre mandam fotos, links, sugestões etc.

Ao longo dessa semana e da próxima vou implementando aos poucos algumas novidades, que vão dar um fôlego pro blog pra muitos outros anos de vida.

Um abraço e boas pedaladas!

O Camelo

“Camelo” é um dos conhecidos muitos sinônimos para bicicleta que utilizamos. Parece que o cara aí em cima levou a sério a idéia. No site Buteco da Net você encontra essas e outras bicicletas inusitadas, algumas delas publicadas aqui no blog em posts mais antigos.

E por falar em sinônimos, correu há algum tempo na lista de email sobre bicicletas que participo uma pesquisa informal, perguntando sobre como eram chamadas as bicicletas em diferentes lugares do Brasil. Abaixo alguns nomes citados pelos participantes, por região do país.

Ceará – bila, caranguejo, jumentinha, zica

Rio – magrela, camelo

Brasília – camelinho

São Paulo – trolé (bicicleta velha)

Aqui em BH usava-se muito “camelo” e “magrela”.

E você, conhece algum outro?

Super bicicletas

Vejam só quanta criatividade! O cartunista Mike Joos resolveu criar bicicletas para vários super heróis, vilões e personagens do universo cinematográfico e HQ’s.

Querem ver mais? São ao todo 10 desenhos, acompanhado de um divertido texto, que eu vi no blog Biciclotheka, um dos meus preferidos sobre a cultura da bicicleta.

Vale a visita!

Rapadura Biker

 

Eu, Cláudia (Rapadura Biker) e Rodrigo (Clube de Cicloturismo do Brasil): frente...

... e verso

Durante o Encontro de Cicloturismo fui sorteado (!) e ganhei essa camisa linda do Rapadura Biker, grupo de bike do Rio Grande do Norte representados no Encontro pelo simpático casal Benilton (que fez as fotos acima) e Cláudia (na foto). A camisa fez sucesso no Encontro, e tá fazendo sucesso aqui em BH também. Clicando na foto você vê a imagem ampliada, com o famoso dito popular nas costas da camisa: “rapadura é doce, mas não é mole!”

Fazendo a sua cabeça

A empresa russa Good brincou sugerindo alguns modelos de capacetes muito criativos.  Será que a medida estimularia o uso dos capacetes? Tenho minhas dúvidas, mas com certeza pedalar com um desses seria bem divertido!

Veja esse e outros modelos diferentes no thisblogrules.

Entradas Mais Antigas Anteriores

Mais visitados

  • Nenhum
%d blogueiros gostam disto: